Category Archives: Cultura

UM ALMOÇO EM FAMÍLIA, JOSÉ E MARIA DAS GRAÇAS MENDONÇA.

Foto de Baby Beef Alvarez.

UM ALMOÇO EM FAMÍLIA, JOSÉ E MARIA DAS GRAÇAS MENDONÇA.

Foto de Maria Das Graças.

Foto de Baby Beef Alvarez.

“O sangue nos faz parentes, a lealdade nos torna uma família.” Onde está a lealdade em tempos difíceis?!?!

Era uma vez um Facebook.

“Desostenta”, irmão. Para pra reparar nas coisas simples da vida e fotografa todas elas com seus próprios olhos. Abre um álbum de imagens na sua própria mente. Deixa pra revelar tudo isso quando a vibe passar…

Foto de Samora Potiguara.

Antes de mais nada, só quero dizer aos familiares e amigos que não aconteceu nada, estamos bem… Definitivamente, nos momentos mais difíceis se sabe quem são os verdadeiros amigos ou as pessoas que verdadeiramente te apreciam 😊, infelizmente, a maioria Das amizades te abandonam e só te mandam felicitações…

Certamente, nos momentos mais difíceis da vida você percebe quem são os verdadeiros amigos ou as pessoas que realmente te valoriza 😊. Infelizmente, a maioria das amizades te abandonam e te mandam um “Curtir” mas na realidade não leem….
Decidi publicar esta mensagem em apoio a uma pessoa muito especial para mim que lutou até o fim com firmeza, e energia.
Ensinou-nos a viver cada dia como se fosse o dia mais bonito!
Agora estou assistindo os que terão tempo de ler este post até o fim.
Este é um pequeno teste, só para ver quem lê e quem compartilha sem ler!
Se você leu tudo, selecione “Curtir” para que eu possa colocar um obrigado no teu perfil.
O Câncer é muito invasivo e destrutivo para o nosso corpo, mesmo depois de terminar o tratamento, o seu corpo continua a lutar consigo mesmo tentando reconstruir todo o dano causado pela radiação. É um processo muito longo.
Por favor, em honra de algum seu familiar ou amigo que morreu, ou está lutando contra o câncer, ou mesmo teve câncer mas é curado; copie e cole em sua página esse texto.
Todos dizem: “se você precisar de alguma coisa, não hesite em me chamar, eu vou estar lá para te ajudar”.
Então, vou fazer uma aposta, mas acho que alguns dos meus amigos vão colocar isto no seu mural.
Você só tem que copiar (não compartilhar)
Eu gosto de saber com quem posso contar….. 😍 então escreva “feito” nos comentários quando você fizer isso.
Feito!!

Foto de Samora Potiguara.

O meu nome é Severino,
não tenho outro de pia.
Como há muitos Severinos,
que é santo de romaria,
deram então de me chamar
Severino de Maria;
como há muitos Severinos
com mães chamadas Maria,
fiquei sendo o da Maria
do finado Zacarias.

 Deus abençoe todos nós. amém

O que acontecera com a mata atlântica e o horto florestal de Ipiaú?

Ipiaú esta a espera agora da reconstrução do Horto Florestal Euclides Neto, com o replantio , a restauração de todo o local, a recriação de uma área de produção de mudas para o replantio de toda a cidade de Ipiaú e obviamente darmos o nome de Euclides Neto ao Horto Florestal (acorda vereadores). A criação de um novo centro de casas populares, com um ou dois quartos, uma sala, uma cozinha e um banheiro completo. Além da restauração do cento de abastecimento. Ipiaú agradece a Maria das Graças e a Aline Peixoto, e a Rui Costa. Esperamos que as obras se reiniciem ainda como o Juiz, que deu a ordem de posse da prefeitura do local, pois ele foi transferido, ou seja, merecidamente promovido.

AFINAL O QUE ACONTECERÁ COM O HORTO FLORESTAL EUCLIDES FERNANDES?

TRÊS PERGUNTAS:

  1. PORQUE NÃO SE CONSTRÓI PELOS ÓRGÃOS, FEDERAIS, ESTADUAIS E MUNICIPAIS UM NOVO CENTRO RESIDENCIAL, NA CIDADE, PARA AS PESSOAS MAIS CARENTES, AS MAIS HUMILDES. CASAS ESTAS COM PELO MENOS UM OU DOIS QUARTOS, UMA SALA, UMA COZINHA E UM ÓTIMO BANHEIRO?
  2. QUANTAS SECRETARIAS E CARGOS DE CONFIANÇA HAVIA NO GOVERNO ANTERIOR? NO ATUAL GOVERNO, PROVAVELMENTE DIMINUIU-SE AS SECRETARIAS E CARGOS DE CONFIANÇA DO MUNICÍPIO, POIS VIVEMOS UMA ÉPOCA DE GRAVE CRISE ECONÔMICA!

  3. SE DIMINUÍRAM OS GASTOS DA PREFEITURA NA NOVA ADMINISTRAÇÃO, COM AS VERBAS PARA GASTOS COM OS GABINETES? E PARA GASTOS PROMOCIONAIS, DE IMPRENSA, DE DIVULGAÇÃO DO MUNICÍPIO? 

  4. NO LOCAL TEM APENAS UMA  ÁRVORE NACIONAL CONHECIDA POPULARMENTE COMO “PAU BRASIL”. A ÁRVORE QUE FOI CLICADA PELA REPORTAGEM FICA DISTANTE ALGUNS METROS DA ÁREINVADIDA.5. BEM, RUI COSTA NÓS TEMOS OUTRAS REIVINDICAÇÕES, QUE ESPERAMOS SEJAM ATENDIDAS ATÉ 2022, ATÉ LÁ DA TEMPO PARA FAZERMOS MUITA COISA PELA MICRO REGIÃO DE IPIAÚ, INCLUSIVE SALVAR O RIO DE CONTAS E UMA PARCELA DA MATA ATLÂNTICA.

O Juiz de Direito Hilton de Miranda, que foi promovido e transferido por merecimento, acatou o pedido formulado pela Procuradoria do Município e garantiu, em liminar proferida na tarde da quarta-feira(05/04), a reintegração de posse do Horto Florestal, área de preservação ambiental de titularidade da Prefeitura de Ipiaú, localizada no fundo da Casa do Menor, no centro da cidade. Desde o dia 18 de março, a área foi ocupada por populares com a instalação de barracos.

Na decisão, o magistrado enfatiza que esteve no local e percebeu que os barracos dificilmente estão sendo ocupados por famílias, mas indicam atos preparatórios para outras edificações. “Percebe-se também que houve derrubada de árvores no local, e aparentemente haverá novas derrubadas de arvores imensas, sem qualquer conhecimento ou autorização do Poder Público Municipal e Federal”, declarou. O Juiz ainda determinou a abertura de procedimento investigatório para apurar crime ambiental, buscando assim, a identificação dos responsáveis pela derrubada de árvores e destruição do local de preservação ambiental.

A Prefeita de Ipiaú, Maria das Graças, se comprometeu em avaliar as necessidades sociais de cada um dos ocupantes, efetuando o cadastramento necessário aos programas sociais que serão disponibilizados pelo município. A Chefe do Executivo Ipiauense destacou que está buscando recursos junto aos Governos Estadual e Federal, visando a construção de casas populares.

O cumprimento da ordem judicial deverá ocorrer nas próximas horas, sendo que, de acordo com o Juiz Hilton de Miranda, os invasores serão afastados e alertados sobre a impossibilidade de retorno, sob pena de medidas legais mais severas.

Baseado em um comunicado da Assessoria de Comunicação – Prefeitura de Ipiaú.

O plantio e a reforma do horto florestal e a implantação de novas mudas de arvores da mata atlântica, serão implantadas a partir da área em Euclides Neto criou o Horto Florestal? Ou seja, a posse real de toda a área? Ou será. apenas uma amostrinha de Horto Florestal, só para constar?

 

Fica a grande duvida: Haverá a construção de um novo conjunto habitacional, para os mais carentes, casas com um ou dois quartos, com uma sala, uma cozinha e um banheiro de verdade, para os mais carentes de Ipiaú, obra esta construída pelos governo federal, estadual e municipal?

22 DE ABRIL, O PRETENSO DIA DA DESCOBERTA DO BRASIL.

PARABÉNS A TODOS NÓS PELA IMPORTANTE DATA DE HOJE 22 DE ABRIL – O DESCOBRIMENTO DO BRASIL.

Ainda hoje, a data de 22 de abril é marcada oficialmente como o dia em que a Coroa Portuguesa anunciou o descobrimento das terras brasileiras. Durante muito tempo, esse evento de dimensões históricas foi interpretado como o resultado de uma aventura realizada por corajosos homens do mar que se lançaram ao desconhecido e encontraram uma nova terra. Contudo, apesar de empolgante, existem outras questões por trás dessa versão da história que marcou o ano de 1500.
Mesmo antes de chegar ao Brasil, a Coroa Portuguesa estava inserida em uma acirrada disputa econômica onde os estados nacionais europeus disputavam a expansão de suas atividades mercantis. Dessa forma, cada avanço tecnológico, terra conquistada ou rota descoberta tornava-se um precioso “segredo de Estado”. Antes de sair anunciando uma conquista aos quatro ventos, os governantes daquela época avaliavam minuciosamente os interesses e circunstâncias que envolviam esse tipo de exposição.
Uma das primeiras pistas que nos indicam esse tipo de planejamento envolvendo o descobrimento do Brasil se deu quando Portugal exigiu a anulação da Bula Inter Coetera e a assinatura do Tratado de Tordesilhas. Afinal de contas, por que os portugueses repentinamente chegaram à conclusão de que uma nova divisão das terras coloniais deveria ser realizada? De fato, essa é uma das muitas outras questões que fazem a versão romântica do descobrimento cair por terra.
Quando chegamos em 1500, o rei português Dom Manuel I autorizou que o navegante Pedro Álvares Cabral organizasse uma esquadra que, segundo consta, deveria aportar na Índia. Para tal propósito foi designada o uso de oito naus, três caravelas, um navio de mantimentos e uma caravela mercante. Além disso, foram convocados aproximadamente 1500 homens, incluindo capitães, tripulantes, soldados e autoridades religiosas.
Entre esses vários participantes da viagem marítima estava o cosmógrafo Duarte Pacheco da Costa, que, segundo aponta alguns historiadores, tinha participado de uma expedição secreta que já havia chegado ao Brasil no ano de 1498. Além disso, um ano após essa sigilosa viagem, outros indícios apontam que os navegadores Américo Vespúcio e Vicente Pinzón também fizeram uma breve visita ao Brasil. Mais uma vez, fica difícil acreditar que os portugueses não sabiam o que estavam fazendo.
Para celebrar a partida de Pedro Álvares Cabral e seus experientes auxiliares para essa viagem ao Oriente, o rei organizou uma enorme festa de comemoração que contou com a presença de espiões de outras nações mercantis da Europa. Dessa forma, nada poderia levar a crer que os dirigentes portugueses tinham outro plano, senão, circunavegar a costa africana e – assim como Vasco da Gama – realizar um novo contato comercial com os indianos.
Contudo, mesmo estando muito bem amparada, a esquadra de Cabral “repentinamente” seguiu uma rota marítima completamente inesperada. As embarcações tomaram distância da costa africana e realizaram uma passagem pela ilha atlântica de Cabo Verde. Depois disso, seguiram uma viagem tranquila que percorreu 3600 quilômetros a oeste. Passados exatos trinta dias da passagem por Cabo Verde, os navegantes portugueses avistaram o famoso Monte Pascoal.

Chegando ao território brasileiro, inicialmente chamado de “Vera Cruz”, o escrivão oficial, Pero Vaz de Caminha se pôs a tecer um relato sobre as terras, mas sem citar nenhum tipo de surpresa por parte de seus companheiros. Depois do reconhecimento das terras, Pedro Álvares Cabral não fez questão de contar pessoalmente sobre a presença de “novas terras” a oeste. Ao invés disso, partiu para a Índia e mandou o navegante Gaspar Lemos oficializar a descoberta levando a carta de Pero Vaz ao rei.
Apesar de tantas evidências justificarem a ação premeditada dos portugueses, não podemos deixar de salientar que o enfrentamento dos mares era uma tarefa de grande peso. As más condições de higiene, a falta de água e alimentos tornava a viagem um admirável desafio. Além disso, só depois da oficialização feita em 1500 é que se vivenciaram os tantos outros episódios que, ao longo dos séculos, explica a peculiar formação da nação brasileira. – Por Rainer Sousa – Mestre em História.

22 DE ABRIL, O PRETENSO DIA DA DESCOBERTA DO BRASIL.

Ipiaú esta em festa na Praça Ruy Barbosa, com o segundo Festival do Chocolate.

O evento esta acontecendo na Praça Ruy Barbosa reunindo os maiores representantes da cacauicultura da Bahia e de outros estados, com grande foco no incentivo à produção chocolateira na região de Ipiaú como um grande fator de geração de emprego e renda. O 2º Festival Chocolate e o 4º Agrocacau acontecem sob a coordenação do Território Médio Rio das Contas e Ceplac.

 

É um grande sucesso o 2º Festival do Chocolate e o 4º Agro cacau na Praça Rui Barbosa, em Ipiaú. Neste domingo (09/04/17) a festa terminara na Praça Ruy Barbosa, estaremos todos la. Apareçam a festa esta linda e ainda temos o extraordinário fotografo Gilson Santos.

PRAÇA JOÃO CARLOS HOHLENWERGER: UM MONUMENTO À EMANCIPAÇÃO DE IPIAÚ

Foto de José Américo Castro.

-José Américo Castro-

Foto de José Américo Castro.
Um dos embriões de Ipiaú foi o espaço onde hoje está localizada a Praça João Carlos Hohlenwerger e imediações. Originalmente esta região da cidade era conhecida pelo nome de “Fuá” e aglutinava pessoas simples, muitas provenientes da zona rural que traziam seus produtos para negociar no povoado.

No ano de 1916 o povoado passou à condição de Distrito de Paz com o nome de Alfredo Martins. Décadas depois surgiam duas feiras livres na área do antigo “Fuá”. A primeira na Praça Virgílio Damásio e a outra na Praça João Carlos Hohlenwerger.

No decorrer do tempo o local sofreu transformações, ganhando novos estabelecimentos, armazéns de cacau, órgãos públicos, lojas e até uma agencia do Banco do Brasil. Enfim, tornou-se um dos pontos mais movimentados do centro de Ipiaú.

A Praça João Carlos Hohlenwerger não é propriamente um espaço de lazer, mas tem uma turma que a utiliza para animadas partidas de dominó. A sua denominação veio em homenagem a um homem que muito lutou pelo processo de emancipação política deste município.

Com tanta historia não poderia deixar de abrigar em sua parte central o monumento mais significativo da cidade. Tratasse de uma replica da Estátua da Liberdade, tendo em sua base placas com inscrições alusivas ao grande feito.

Ali se encontra o telegrama do então governador Juracy Magalhães anunciando a elevação do então distrito de Rio Novo à condição de município autônomo. Em outra placa está inscrita a gratidão dos munícipes ao Dr. Alfredo Brito (na época Secretario de Saúde do Estado) que contribuiu com a emancipação.

Inaugurado em 2 de dezembro de 1934 sob a administração do prefeito Antonio Augusto Sá,o monumento foi inicialmente afixado na Praça Rui Barbosa e depois transferido para a Praça João Carlos Hohlenwerger.

A partir da Copa do Mundo de 1974 a Praça João Carlos Hohlenwerger passou a ser palco de comemorações das vitórias da Seleção Brasileira na maior competição futebolística do planeta. Com isso recebeu o apelido de “Praça Brasil”.

Quem promovia a festa, inclusive a sua decoração com bandeirolas e outros adereços, era o artista plástico Herbeth Campos.

Foto de José Américo Castro.

JOÃO CARLOS HOHLENWERGER, o homem que emprestou seu nome para a denominação oficial da praça, era de origem suíça-alemã e tinha a patente de Coronel da Guarda Nacional. Chegou na região por volta do ano de 1916. A ele coube a iniciativa de tentar a emancipação política do povoado.

Na segunda metade da década de 1920 o distrito já tinha sido elevado à condição de vila com o nome de Rio Novo e João Carlos continuava pleiteando a sua alforria política. Deslocava-se até a capital do estado, onde, em prolongadas audiências, tratava do assunto com o governador J.J. Seabra e outras autoridades.

“O Coronel João Carlos era uma figura impressionante. De estatura baixa, gordo rotundo, vermelho, calvo, farto bigode torcido nas extremidades, parecia um barão”, descreve o historiador Clemilton Andrade em seu livro “Uma vida em várias épocas e lugares”.

João Carlos Hohlenweger deixou uma descendência de sete filhos, dezenas de netos, bisnetos, tataranetos e um exemplo de grande amor pelo lugar que lhe acolheu.

Foto de José Américo Castro.

FOTOS- A praça em dois ângulos; o coronel João Carlos Hohlenweger; as placas na base do monumento; a replica da estatua de Liberdade sob bandeirolas de uma decoração.Quem fez a foto da estatua foi Marcone Motta.

Foto de José Américo Castro.

José Américo em Ilhéus, no Sarau do Poeta.

Foto de José Américo Castro.

 

JOSÉ AMÉRICO EM ILHÉUS NO SARAU DO POETA.

 

 

 

NO SARAU DO POETA


-JOSÉ AMÉRICO CASTRO-


E ASSIM DE OUSADO, PORÉM CONVIDADO, SUBIR AO PALCO DO TEATRO MUNICIPAL DE ILHÉUS E DECLAMEI TRÊS POESIAS NO ESPETÁCULO “SARAU DO POETA”, DO ATOR, APRESENTADOR E POETA JACKSON COSTA.

O ATO, NA NOITE DA ULTIMA SEXTA-FEIRA, 10, FOI ASSISTIDO POR UMA PLATEIA REPLETA DE AMIGOS, IRMÃOS DO CORAÇÃO. PURA GENEROSIDADE DE JACKSON AO TER ME COLOCADO EM CENA.

“TUDO VALE A PENA SE A ALMA NÃO É PEQUENA”, DISSE O ATOR EVOCANDO FERNANDO PESSOA NAQUELE DIÁLOGO ENTRE MÚSICA E POESIA, ONDE O SEU TALENTO CÊNICO FOI AMPLIADO PELA MUSICALIDADE DE JOAQUIM CARVALHO, NO VIOLÃO E VOZ; EDDIE SANTANA (DINHO), NO VIOLÃO E VIOLINO; E SIDNEY ARGOLO, NA PERCUSSÃO.

ELES TROUXERAM A ESSÊNCIA DA ALMA LÍRICA NORDESTINA, COM A BAHIA E A NAÇÃO GRAPIUNA, EM GREGÓRIO DE MATTOS, DORIVAL CAYMMI, JORGE AMADO, CASTRO ALVES, RAMON VANE, JOSÉ DELMO, SOSÍGENES COSTA E OUTROS SENHORES DOS VERSOS E PROSAS.

TAMBÉM SUBIRAM NO PALCO OS MELODIOSOS JAN COSTA E MARCELO GANEM. DERAM CONTA DO RECADO, ARRANCARAM APLAUSOS, TEMPERARAM A REALEZA DO ESPETÁCULO QUE O BRASIL INTEIRO PRECISA ASSISTIR.

SUBLIME, SIMPLESMENTE SUBLIME, JACKSON COSTA COM SUA TRUPE NESTE SARAU DE GRANDEZA E GENEROSIDADE.

AS FOTOS FORAM CLICADAS POR GILSON SANTOS.

Final de semana fantástico!!!
Teatro municipal de Ilhéus
Participação especial de José Américo Castro

Salvador: Alinne Rosa brinca com ACM Neto: ‘Danadinho, ficou solteiro na boca do Carnaval.

Alinne Rosa brinca com ACM Neto: ‘Danadinho, ficou solteiro na boca do Carnaval'

Foto: Francisco Carlos/ Ag. Haack/ Bahia Notícias

A cantora Alinne Rosa deixou o prefeito ACM Neto em uma saia justa nesta terça-feira (28) de Carnaval durante sua passagem pelo Campo Grande. A cantora brincou com o fato de o prefeito ficar solteiro uma semana antes do Carnaval. “Esse prefeito é danadinho. Ficou solteiro na boca do Carnaval”, disparou a ex-vocalista da banda Cheiro de Amor, para a surpresa de Neto. “Quem quer que ACM Neto vem aqui dançar comigo no trio?”, afirmou Alinne. “Quem vai no chão é ele”, cantou Alinne.

 

Alinne Rosa brinca com ACM Neto: ‘Danadinho, ficou solteiro na boca do Carnaval.

 Alinne Rosa brinca com ACM Neto: ‘Danadinho, ficou solteiro na boca do Carnaval'
Foto: Francisco Carlos/ Ag. Haack/ Bahia Notícias

A cantora Alinne Rosa deixou o prefeito ACM Neto em uma saia justa nesta terça-feira (28) de Carnaval durante sua passagem pelo Campo Grande. A cantora brincou com o fato de o prefeito ficar solteiro uma semana antes do Carnaval. “Esse prefeito é danadinho. Ficou solteiro na boca do Carnaval”, disparou a ex-vocalista da banda Cheiro de Amor, para a surpresa de Neto. “Quem quer que ACM Neto vem aqui dançar comigo no trio?”, afirmou Alinne. “Quem vai no chão é ele”, cantou Alinne.

O prefeito de Salvador ACM Neto é admirador declarado do Carnaval. É folião inveterado e sempre encontra um espaço na agenda para curtir um pouco dos festejos de Momo. Não foi diferente nesta terça-feira (28), último dia da folia. Reproduzindo uma cena de 2015, quando foi até o chão com Alinne Rosa em um trio, o prefeito “meteu dança” novamente com a cantora, ao som de um sucesso de Leo Santana: “Maravilhosa é ela”. Um vídeo do momento foi postado nas redes sociais de Neto. De uma coisa não há dúvidas: quem vai no chão é ele.

 

 

 

Terça, 17 de Fevereiro de 2015 – 16:46

ACM Neto ‘quebra até o chão’ com Alinne Rosa no Campo Grande

ACM Neto 'quebra até o chão' com Alinne Rosa no Campo Grande; Veja vídeo

Foto: Reprodução/ TV Bahia

Terça, 17 de Fevereiro de 2015 – 16:46

ACM Neto ‘quebra até o chão’ com Alinne Rosa no Campo Grande

O prefeito ACM Neto compareceu ao bloco privado Papa, comandado por Alinne Rosa, para mostrar suas habilidades na dança. O gestor desceu até o chão na tarde desta terça-feira (17) ao som de músicas do pagodeiro Igor Kannário. As músicas representam uma das jogadas da prefeitura de incluir Kannário no circuito do Carnaval, após diversos pedidos dos fãs. 

Foto: Emmanuel Carneiro/Ag Haack

Ipiaú: Vereador Orlando Santos faz indicações por revitalização de áreas esportivas

campoda

Na Sessão Ordinária da Câmara de Vereadores nessa terça-feira(21), o vereador Orlando Santos apresentou algumas Indicações ao Poder Executivo, assim como: revitalização da área de lazer do Rio Novo ( Campo da Baixada ), contando também com a construção de vestiários e arquibancadas no campo; revitalização da área de lazer no Areião do Arara; revitalização da área de lazer Areião do Arara; revitalização do campo de futebol do Bairro ACM e reativação da área de lazer Mangabeira, mais conhecida como “Toca do Leão”, na Avenida São Salvador. Na oportunidade, o edil justificou suas indicações afirmando que as citadas áreas, uma vez beneficiadas, ofereceriam conforto e segurança aos esportistas e ao público que acompanha as partidas. ” O campo de futebol é um dos poucos locais de entretenimento e lazer da nossa cidade”, afirmou Orlando.